fbpx
Oi, gente! Tudo bem com vocês? Bom, hoje é o último dia do ano e eu não poderia deixar de compartilhar com vocês esse texto reflexivo que li na Folha de São Paulo. Vale a pena tirar um minutinho do seu tempo para ler, refletir e fazer sua resolução para 2021, falta pouco. “Eu fiz uma cirurgia bariátrica há muitos anos, de maneira estabanada, para me livrar dos meus antigos 150 quilos. Meu pai morreu do coração aos 45 anos, e eu não podia continuar com aquele peso. O médico diz que você vai poder comer de tudo. O problema é que você passa a beber de tudo também. Eu quase virei alcoólatra. Como, aliás, acontece com muitas pessoas que fazem bariátrica sem se preparar antes e sem supervisão depois. E foi para cuidar dos meus excessos — de cigarros, bebidas, cafés, refrigerantes e remédios para dormir –  que eu, graças a Deus, conheci o médico psiquiatra Arthur Guerra. Ele transformou a minha vida não me entupindo de mais remédios, mas tirando esses remédios e me entupindo de esportes. Guerra me botou para fazer triatlos e maratonas e me fez descobrir um mundo que acorda às 5 da manhã e dorme exausto e feliz às 10 da noite. Mas, de tudo o que Arthur Guerra me ensinou, nada é mais brilhante do que a pergunta dele que eu coloquei em cima da minha mesa de trabalho e a que tento responder todos os dias: “Nizan, você aguenta ser feliz?”. Esta, querido leitor e querida leitora, é a pergunta que dou de presente de Ano Novo depois de um ano de tantas tristezas, mas também superações. Você aguenta ser feliz? A pessoa luta para alcançar determinados objetivos na vida e, se e quando consegue atingi-los, quer mais e mais. A gente
Isso é muito sério! Pode vir a atrapalhar o desenvolvimento infantil e seguir para a fase adulta. Muitos pais não têm ideia de que shampoo, maquiagem e até hidratante podem fazer mal de alguma maneira. A gente não imagina que ao levarmos nossas filhas ao salão para pintar a unha, fazer hidratação ou algum outro procedimento pode interferir futuramente na vida dela.Pois é. Quis dividir isso com vocês. Acho que a grande maioria não possui esse conhecimento. Eu mesma não tinha. Pode até parecer encantador, mas, gera consequências, como por exemplo, nos hormônios.Então, fica uma alerta! Esmalte, shampoo, desodorante, maquiagem e todo esse universo que envolve o mundo da beleza pode possuir na fórmula componentes que alteram na vida da criança. Ela pode inclusive, menstruar antes da hora e atrapalhar o desenvolvimento natural. Tem quem ache bobagem. Mas eu me preocupo bastante com isso. A Lulu é super vaidosa, desde muito pequenininha. Agora, ela só usa produtos naturais para não interferir no crescimento dela, como a Davines que citei no stories.Hoje, a gente pesquisa muito sobre produtos. Mas, de fato, os cosméticos infantis são os mais recomendados mesmo. E não se engane. Até os mais naturais pode conter algo na composição que pode interferir no crescimento. E você costuma se preocupar com isso também?
Nós temos medo da opinião dos outros, é algo involuntário, e esse medo se torna uma grande barreira na vida. Muitas vezes deixamos de fazer algo que gostaríamos por conta do que o outro vai achar ou pensar, é algo que nos paralisa pois temos o desejo de sempre agradar. E isso vem desde a nossa infância, quem aí nunca fez algo para ser aceito em um grupo de amigos na escola? A verdade é que nós sempre vamos nos importar muito com o que os outros pensam de nós. E só tem uma coisa a fazer, administrar bem até onde a opinião do outro importa na sua vida e quem é esse outro. É alguém que te ama e quer o seu bem? Então vale a pena levar em consideração, do contrário não deixe que a opinião dos outros comandem os seus pensamentos e ações. Escute o outro, mas com discernimento. Primeiro avalie se a opinião soma, se é possível aprender alguma coisa com ela.  Outra coisa que ajuda bastante é ter autoconhecimento, quando você sabe quem você é, a opinião do outro não faz tanta diferença na sua vida. Por isso se conheça, viva baseada nos seus valores e princípios. O caminho é mais simples do que parece: seja você mesmo!
Ter inteligência emocional para lidar com certas situações não é tarefa fácil, é algo que adquirimos com o tempo e com as vivências ao longo da vida. Você sabia que a inteligência emocional está totalmente ligada ao autoconhecimento? Quando você se conhece, sabe o que te irrita, o que te deixa chateada, consequentemente, quando algo acontece você consegue lidar melhor com essas situações. A inteligência emocional é isso, é entender e administrar as suas próprias emoções e usá-las a seu favor. E hoje trouxe para vocês alguns pontos que eu acho importantes para ter mais inteligência emocional no seu trabalho e nos relacionamentos em geral. Autoconhecimento: Como falei lá no início, quanto mais autoconhecimento, melhor você consegue lidar com as adversidades. Percepção das suas emoções: Reconhecer e perceber suas emoções, o que leva e diminui a sua impulsividade. Gerenciamento das emoções: É importante gerenciar os nossos sentimentos. Quando isso acontece, também aprendemos a lidar com a nossa própria emoção. Ação: ter atitudes, mas sempre pensando e usando a inteligência, para agir em determinadas situações. É importante racionalizar e aprender como sair ou levar situações de raiva e tristeza, por exemplo. Sabendo como agir, se torna mais fácil enfrentar situações adversas. Treine a sua mente: Em um momento de adversidade pare, pense e respire, tente não agir por impulso e lembre-se que adquirir inteligência emocional é com o tempo, se hoje não deu certo, amanhã você tenta de novo e de novo.